CHT

Sales: 19 anos, Piloto Privado de Avião

Muitas pessoas têm vontade de voar alto, pilotando um avião. Muitas não se dão conta de que tornar este sonho uma realidade é possível! No post de hoje, vamos dar início à uma série de entrevistas com pilotos de avião, instrutores, aeroclubes, e outros.

Nosso primeiro entrevistado é o Piloto Privado, Thamaro Alexandre Sales Silva, 19 anos. Sales é Editor de Vídeo e reside em Cubatão, São Paulo.

Thamaro Alexandre Sales Silva

Thamaro Alexandre Sales Silva

Aos 13 anos de idade, Sales comprou um jogo de aviões para computador. O jogo despertou o interesse no mundo da aviação, o que se tornou um sonho para ele. Para tornar-se um piloto de avião, tales realizou o curso teórico de Piloto Privado (PP) e obteve o Certificado de Capacitação Física (CCF). Ao ser aprovado na ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), Sales obteve o Certificado de Conhecimentos Teóricos (CCT), passando então a realizar o curso prático de Piloto Privado. Aprovado, obteve seu Certificado de Habilitação Técnica (CHT).

Questionado à respeito das facilidades e dificuldades de obter a habilitação de Piloto Privado, Sales diz que “infelizmente nada foi fácil, o curso foi caro e exigiu muita dedicação; as dificuldades financeiras sempre foram as maiores barreiras”.

Uma história que Sales guarda em sua memória aconteceu no primeiro dia do curso teórico de Piloto Privado. “Havia um Piloto Privado formado aguardando próximo à entrada do pátio das aeronaves. Ele iria começar o teórico também, mas para Piloto Comercial. Decidi puxar conversa com ele, e ele foi falando da sua experiência como aviador formado. No ano seguinte, quando fui fazer o meu curso teórico de Piloto Comercial, e enquanto eu aguardava próximo ao pátio das aeronaves, um rapaz chegou até mim e puxou conversa. Ele disse que era o primeiro dia dele no aeroclube, e que ele estava começando o curso teórico de Piloto Privado. Foi o mesmo lugar, e com mesmo assunto, mas dessa vez era eu quem estava dando as dicas e falando da minha experiência. Nunca vou esquecer aquele momento!”

Atualmente Sales está renovando seus documentos de aviador e geralmente faz um voo por semana, devido às limitações financeiras. Com 49 horas de voo registrados, Sales diz que prefere voar pilotando o Embraer 712.

Pedimos ao Sales que nos explicasse um pouco à respeito dos detalhes e os preparativos para os procedimentos de decolagem e pouso:

“Na verdade tudo é padronizado. Então todos os Pilotos Privados fazem quase a mesma coisa: passar o plano de voo, pegar os documentos da aeronave, checar o livro de reporte, preparar a aeronave externamente com o check-list pré-voo; logo após vem o check de acionamento com a solicitação de acionamento de motor, táxi e cópia das instruções de saída, check de cabeceira, solicitação da decolagem, check de decolagem, decolagem em si, voo em rota com a coordenação com os órgãos de controle de tráfego aéreo, coordenação com a torre do aeródromo de destino, solicitando o pouso, check pré-pouso; já no solo, solicitamos o táxi; assim que chegamos no solo fazemos e check de corte e abandono e assim acaba mais um voo.”

Finalizando a entrevista com Sales, perguntamos: qual a sua dica para quem tem o sonho de tornar-se um piloto de avião? Sales responde: “estude, se dedique e nunca esqueça de ter mais agilidade.” Sales adiciona: “não se desanime com aqueles que não acreditam que você vai ser um piloto de avião. Um dia você ainda vai ver estes de boca aberta quando você disser que conseguiu se tornar um aviador!”

Sales também possui um site dedicado à aviação. Para conferir, visite www.canalpiloto.com.

Agradecemos ao Sales pela primeira entrevista para o TheCockpitSeat.com.